Pelas palavras...

Minha foto
Não importa a visão da cidade/ E sua face atormentada dando voltas no quarteirão/ Nossos olhos erguidos além do concreto/ Vêem as copas das árvores e não espantam pássaros/ Também aprendemos a pousar na linha esticada/ Para ver o sol nascer.
Ocorreu um erro neste gadget

sábado, 28 de fevereiro de 2009

Perspectiva


Estou no instante, assim como o instante está em mim e não se pode medir...

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009

Do céu


Acostumei-me a gostar da tempestade
a claridade em teu olhar
...é a metade da dor
que o escuro não pode ampliar

Aquário


"Por mais que eu escreva, e abra portas,
ainda estou dentro de um vidro embaçado"...

Reflexos


Você
um dia "abriu" os olhos
e quis mostrar para todo mundo
mas os anjos não tem cor...
e os olhos, nos reflexos, não tem fundo

terça-feira, 24 de fevereiro de 2009

Eu durmo descalço do tempo
e meus sonhos se espalham
como a fumaça de um incenso
na ausência do vento...

quinta-feira, 5 de fevereiro de 2009

Verniz


Os sinos retocam o silêncio com verniz de outono

Quero me jogar neste cobertor de folhas secas

Ali na frente...

E ficar...

Ouvindo os eucaliptos ao vento

Até sentir seu cheiro

Plantar meus desejos entre as sombras

Para que não se acomodem e busquem na luz a esperança do sol

Eu grito alto, até meu peito tremer

E meus ecos retornarem ao seu mundo de ar

Tudo faz sentido sem nada fazer para estar

E assim o ciclo continua...

E a palavra muda fala ao pé do ouvido apenas por um gemido

O coração deve brotar

E ser na flor um motivo, na vida um olhar

Um lar de saudade entre os cílios

quarta-feira, 4 de fevereiro de 2009

Somos...


Um quarto de tempo
Um tempo no quarto estendido
E eu entendo...
Fiquei muitas vezes mais do lado de dentro
E como tudo sempre é novo, a minha busca por mim mesmo é vã neste momento
Descobri que a vida, em sumo, “somos” “nós”
E é assim que fazemos um lugar melhor
Em companhia